sexta-feira, 14 de dezembro de 2018

O CAMINHO ESTREITO PARA O RELACIONAMENTO COM DEUS - PARTE II - DIA 31

  pelo Rev. Robert John Cericola, Carroll, OH - EUA 

Fortalecido pelos anjos? (continuação)

Dia 31

Daniel 10:18 (AMP) "E aquele, que tinha aparência de um homem, tocou-me outra vez, e fortaleceu-me,"

Mateus 4:11 "Então o diabo o deixou; e, eis que chegaram os anjos, e o serviam."

Chocado com o que acabei de ver, comecei a me perguntar se tinha imaginado aquela cena quando no mesmo instante Bonnie entrou no quarto, sentou-se no meu colo e disse: “Robert, sinto muito por ter te tratado mal, por favor me perdoe. Nós nos beijamos e nos reconciliamos e sem mencionar os anjos, eu perguntei: "Por que você escolheu este momento para se reconciliar?" "Eu não sei", ela disse "de repente eu senti muita paz”. Então compartilhei o que eu tinha acabado de ver e ambos nos perguntamos o que o Senhor iria nos ensinar através desta experiência. 

Depois de meses estudando as escrituras para validar minha experiência, encontrei Daniel 10:18 onde um anjo veio e fortaleceu Daniel e Mateus 4:11 onde os anjos vieram servir a Jesus após suas tentações no deserto. 

Logo após essa descoberta, o Senhor começou a nos mostrar paralelos entre anjos transmitindo força e demônios usando pessoas para falar palavras emocionalmente carregadas destinadas a tentar uma pessoa a quebrar a aliança. 1 Pedro 5: 8 (NKJV) nos diz: “Sede sóbrios; vigiai; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, rugindo como leão, buscando a quem possa tragar”.

Assim como o rugido de um leão cria a emoção do medo nas pessoas, as palavras podem incitar as emoções de uma pessoa e criar ressentimentos de amargura, ciúme, inveja, contenda e são usadas pelo diabo e seus demônios para nos forçar a quebrar a aliança. Pedro nos manda ficar sóbrios ou estar vigilantes (cientes) das táticas do diabo de usar pessoas para transmitir palavras emocionalmente carregadas que nos desafiam a quebrar a aliança. 

Se você experimentou o espírito de medo, você experimentou o ataque do diabo. Alguma vez alguém te disse palavras que te magoaram? Você experimentou o ataque do diabo. Já teve pensamento de crítica contra Deus ou de alguém que você conhece? Você experimentou o ataque do diabo tentando levá-lo a quebrar o mandamento de amar.

Concluindo a meditação
Você lembra de algum momento em sua vida em que você se tornou carregado de emoção, talvez medo, raiva, ciúme, luxúria ou mesmo ódio. Pergunte à Jesus se esse sentimentos foram causados por um demônio tentando fazer com que você quebrasse a aliança.

Nenhum comentário:

Postar um comentário