domingo, 16 de dezembro de 2018

O CAMINHO ESTREITO PARA O RELACIONAMENTO COM DEUS - DIA 34

pelo Rev. Robert John Cericola, Carroll, OH - EUA 

Dia 34

Fruto

João 15: 1-2: “Eu sou a verdadeira videira, e Meu Pai é o agricultor. Todo galho em mim que não dá fruto, ele tira; e todo ramo que dá fruto poda para dar mais fruto. 

Gálatas 5: 22-23 (AMP), Mas o fruto do [Santo] Espírito [a obra que Sua presença realiza] é amor, alegria (felicidade), paz, paciência (temperança, tolerância), bondade, excelência(benevolência), fidelidade, gentileza (mansidão, humildade), autocontrole (domínio próprio, moderação). Contra tais coisas não há lei [que possa trazer uma acusação]. 

Muitos interpretam que o fruto que o Pai procura como obras são: testemunhar, pregar, ensinar, expulsar demônios, construir ministérios evangelísticos ou organizações da igreja. No entanto, Jesus salientou que as obras sem relacionamento não são frutíferas conforme Mateus 7: 22-23 (AMP): “Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos em teu nome e não os expulsamos demônios em teu nome e fizemos muitas obras poderosas em teu nome? E então eu direi a eles abertamente (publicamente), eu nunca te conheci; aparta-te de mim, tu que agires mal [desrespeitando os meus mandamentos].” 

O fruto que o Pai está procurando em nossas vidas é produzido pela habitação do Espírito Santo. Quando cooperamos com o Espírito Santo, obedecendo ao mandamento de amar, Ele nos transforma (renova nossa mente) na imagem de Jesus Cristo. À medida que a mente natural é transformada na mente de Cristo, o fruto do Espírito se manifesta através de nossas vidas e o amor torna-se a motivação para testemunhar, pregar, ensinar, expulsar demônios, construir ministérios evangelísticos ou organizações religiosas. 

O resultado de se arrepender do seu pecado e receber à Cristo como Salvador coloca você no processo de transformação da mente pelo Espírito Santo (o processo de poda) e você começará a produzir fruto ao obedecer ao mandamento de amar. 

Se você se recusa a obedecer ao mandamento de amar, embora você possa estar fazendo muitas boas obras, você não produzirá o fruto que o Pai está procurando e, portanto, é removido da videira.

Concluindo a meditação
Você reconhece o trabalhar do Espírito Santo em sua vida? Você está produzindo fruto como afirmado em Gálatas 5: 22-23?

Nenhum comentário:

Postar um comentário