terça-feira, 27 de novembro de 2018

O CAMINHO ESTREITO PARA O RELACIONAMENTO COM DEUS - DIA 20

pelo Rev. Robert John Cericola, Carroll, OH - EUA    

Dia 20

Construindo uma base forte.

Lucas 6: 46–49 (AMP)

46 Por que você me chama, Senhor, Senhor, e não pratica o que eu digo a você? 47 Para todo aquele que vem a mim e ouve as minhas palavras [presta atenção ao seu ensino] e as pratica, eu vou lhe mostrar a quem é semelhante. 48 É semelhante ao homem que construiu uma casa, e cavou, e abriu bem fundo, lançou uma fundação sobre a rocha; e, vindo a enchente, bateu com ímpeto a corrente naquela casa, e não a pôde abalar, porque estava fundada ou construída com segurança sobre a rocha. 49 Mas quem apenas ouve e não pratica as minhas palavras é semelhante a um homem que construiu uma casa sobre terra (sem fundamento), sem alicerces, na qual bateu com ímpeto a corrente, e logo caiu; e foi grande a ruína daquela casa."

Nesta passagem das escrituras, nosso Senhor Jesus ilustra a importância de levar nossa cruz de obediência para construir uma base sólida. Para construir uma base sólida sobre uma rocha, o solo no topo da rocha deve ser removido. A primeira camada de solo, o solo superior é fácil de cavar, mas a argila dura e solo rochoso logo abaixo do solo superior tornam a escavação mais difícil. O solo representa os princípios mundanos e fortalezas estabelecidas em nossas mentes que nos impedem de construir uma base sólida sobre os princípios do Amor. Ao vivermos em obediência ao Mandamento de Cristo ao Amor, encontraremos circunstâncias (solo duro e pedregoso) que nos desafiam a obedecer ou desobedecer e a revelar os princípios em nossos corações que não se alinham com a imagem de Cristo. Quando escolhemos obedecer a Cristo, os princípios mundanos são crucificados por meio do arrependimento e os princípios do amor são moldados em nós e se tornam nossa nova imagem.

Gálatas 5: 6 (AMP), Porque [se estivermos] em Cristo Jesus, nem a circuncisão nem a incircuncisão contam para nada, mas somente a fé ativada, energizada, expressa e operando através do amor."

À medida que vivemos nossas vidas por meio dos princípios do amor, temos nossa confiança que chamamos de fé ativada, energizada e expressa, que nos mantém acreditando em Deus através das tempestades da vida.

Concluindo a meditação
Se você está tendo dificuldade em acreditar nas promessas dadas a nós por Deus na Bíblia, é porque falta amor. Peça ao Espírito Santo que lhe mostre áreas em sua vida que não se alinham com a Imagem de Cristo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário