terça-feira, 2 de março de 2010

CENTRO EVANGÉLICO BRASILEIRO - SAIBAM AS LEIS QUE TRAMITAM EM BRASÍLIA

E disse Jesus: 'Mas olhai por vós mesmos, porque vos entregarão aos concílios e às sinagogas; e sereis açoitados, e sereis apresentados perante presidentes e reis, por amor de mim, para lhes servir de testemunho. E sereis odiados por todos por amor do meu nome; mas quem perseverar até ao fim, esse será salvo.' - (Marcos 13:9 e 13)

Fica proibido fazer:
- Cultos ou evangelismo na rua (Reforma Constitucional)
- Programas evangélicos na televisão por mais de uma hora por dia.
- Programa de rádio ou televisão, quem não possuir faculdade de 'jornalismo'.
- Pregar sobre dízimos e ofertas, havendo reclamações, obreiros serão presos.

Quanto aos cultos:
- Cultos somente com portas fechadas (Reforma Constitucional)
- As igrejas serão obrigadas a pagarem impostos sobre dízimos, ofertas e contribuições.
- Será considerado crime pregar sobre espiritismo, feitiçaria e idolatria, e também veicular mensagem no rádio, televisão, jornais e internet, sobre essas práticas contrárias a Palavra de Deus.
- Pastores que forem presos por pregar sobre práticas condenadas pela Bíblia Sagrada (homossexualismo, idolatria e espiritismo), não terão direito a se defender por meio de ação judicial.

Se estabeleça:
- O dia do “Orgulho Gay” e que seja oficializado em todas as cidades brasileiras e comemorado nas Instituições de Ensino Fundamental (primeira a 8.a série), público e particular.
- Que as Igrejas que se negarem a realização das solenidades dos casamentos de homem com homem e de mulher com mulher, estarão fazendo “discriminação”, seja multadas e seus pastores processados criminalmente por descriminação e desobediência civil.

Projeto nº 4.720/03 - Altera a legislação constitucional

Projeto nº 3.331/04 – Altera o artigo 12 da Lei nº 9.250/95, que trata da legislação do imposto de renda das 'pessoas físicas'
Se convertidos em Lei, os dois projetos obrigariam as igrejas a recolherem impostos sobre dízimos, ofertas e contribuições.

1. Projeto nº 299/99 – Altera o código brasileiro de telecomunicações (Lei 4.117/62).
Se aprovado, reduziria programas evangélicos no rádio e televisão a apenas uma hora.
2. Projeto nº 6.398/05 – Regulamenta a profissão de Jornalista
Contém artigos que estabelecem que só poderão fazer programas de rádio e televisão, pessoas com formação em JORNALISMO, Significa que pastores sem a formação em jornalismo não poderão fazer programas através desses meios.
3. Projeto nº 1.154/03 – Proíbe veiculação de programas em que o teor seja considerado preconceito religioso.
Se aprovado, será considerado crime pregar sobre idolatria, feitiçaria e rituais satânicos. Será proibido que mensagens sobre essas práticas sejam veiculadas no rádio, televisão, jornais e internet. A verdade sobre esses atos contrários a Palavra de Deus, não poderá mais ser mostrada.
4. Projeto nº 952/03 – Estabelece que é crime atos religiosos que possam ser considerados abusivos a boa-fé das pessoas.
Convertido em Lei, pelo número de reclamações, pastores serão considerados 'criminosos' por pregarem sobre dízimos e ofertas.
5. Projeto nº 4.270/04[/b] – Determina que comentários feitos contra ações praticadas por grupos religiosos possam ser passíveis de ação civil.
Se convertido em Lei, as Igrejas Evangélicas ficariam proibidas de pregar sobre práticas condenadas pela Bíblia Sagrada, como espiritismo, feitiçaria, idolatria e outras. Se o fizerem, não terão direito a se defender por meio de ação judicial.
6. Projeto de nº 216/04[/b] – Torna inelegível a função religiosa com a governamental.
Significa que todo pastor ou líder religioso lançado a candidaturas para qualquer cargo político, não poderá de forma alguma exercer trabalhos na igreja.

Não se deixe enganar a Grande Tribulação está a nossa porta. Faça a sua parte comunique estes fatos aos seus irmãos em Cristo.

“Sê fiel até à morte, e dar-te-ei a coroa da vida.” (Ap. 2:10.)

Divulguem! Passem para pastores das igrejas que vocês conhecem, para que todos estejam cientes:

- Os sábios não devem colocar os injustos para governar sobre si.

Que o Senhor tenha misericórdia de nós para não perdermos nossos direitos de proclamarmos a Palavra de Deus!

Escrito por Gilberto Stevão e publicado aqui por Éber Stevão

14 comentários:

  1. Os católicos hoje em dia evangelizam, teriam que parar também, direito de um, direito de todos.Teriam também que pagar impostos. O canal canção nova somente funcionaria uma hora por dia, a missa também seria às portas fechadas. Satanás está tentando parar o povo de Deus, mas aqueles que aprovarem essa lei, vai cair nas mãos do Deus vivo. Lembram que no dia que uma dessas leis iria ser aprovada, a Srª Ruth Cardoso morreu? Seria coincidência, ou providência divina?

    ResponderExcluir
  2. gostaria de saber quem o centro está apoiando para presidencia e para os demais cargo?????..pois estOu cansado de ficar recebendo comentarios sobre as leis que devem ser aprovadas no proximo ano...existem "crentes,evangélicos,pastores que são ratos viboras, prostitutos de palco que estão se vendendo por carros,aviões,terrenos,etc"...e apoiam quem criou a lei....não oro por estas besteiras que o meu DEUS deixou escrito na biblia que aconteceriam.ao invés disso prefiro dizer as pessoas que está chegando o fim.olhem o que o OBAMA está fazendo tentando trazer a paz aos povos.uma paz que diz em daniel:quem trouxer a paz a estes será o anticristo..irmãos vamos orar e jejuar por um mundo melhor que não vai acontecer pois DEUS NÃO É MENTIROS,,ISTO TEM QUE ACONTECER PARA QUE SE CUMPRA AS ESCRITURAS..DECULPEM ME PELO DESABAFO

    ResponderExcluir
  3. As igrejas grandes como por exemplo: vitoria em cristo, do poder mundial, da graça, assembleia de dus madureira assembleia de deus cadeeso, entre outras assembleias, universal etc.. sempre manda seus membros apoiarem determinados candidatos, e o que eles estão fasendo lá? será que sao crentes so em época de eleiçao? Vamos cobrar, se os nossos nao fazer nada, vamos eleger que faz. Porque as grandes igrejas nao apoiam Marina, nao é do nosso meio? ou alguns vao ficar constrangidos de pedir alguma coisa a Ela? Acho que estamos no fim.

    ResponderExcluir
  4. Os projetos de lei mencionados acima são muito antigos ( "/99" = 1999; "/05" = 2005 ). Esses projetos já não existem, ou foram arquivados ou retirados; vejam o comentário no link abaixo:
    http://www.lideranca.org/cgi-bin/index.cgi?action=forum&board=teologia&op=printpage&num=3403

    ResponderExcluir
  5. Olá! vcs tem um e-mail para contato?

    ResponderExcluir
  6. GOSTARIA DE SABER QUEM É O CANDIDATO QUE ESCREVEU ESSAS LEIS.TEMOS O DIREITO DE SABER PRINCIPALMENTE PQ É ANO DE ELEIÇÃO E MUITAS VZS VOTAMOS ATÉ MESMO NESSAS PESSOAS E NÃO SABEMOS!!!!SE PRECISO FOR ENVIO MEU EMAIL P TAL...OBRIGADA

    ResponderExcluir
  7. Olá,
    Sou a favor de uma renovação da igreja evangélica, para que esta se baseie na graça de Deus, proveniente de seu filho Jesus Cristo e não na lei de Moisés. Esta lei é usada pelas igrejas de hoje e de sempre para o que chamo de "pregação do MEDO" aos fiéis, e não acredito que o TEMOR descrito na Palavra seja este que está sendo passado. Neste sentido, é preciso tomar cuidado com aqueles que se utilizam de mentira e enganação para propagar este mesmo medo.
    Não sei qual a fonte desta "denúncia" dos projetos de lei (PL) que dizem estar em trâmite, mas certamente não é de pessoa idônea e comprometida com a verdade!
    Diante dos absurdos relatados eu mesma, como estudante de direito, fiz questão de verificar item por item deste texto, PL por PL, e fico abismada e revoltada com tamanha falta de caráter do autor que desconheço em publicar tanta mentira! Talvez no intuito de propagar o medo entre o povo cristão com a criação de mentiras mirabolantes.
    Nem todos, que são leigos na área jurídica, sabem como verificar a veracidade dessas informações, e pelo que li nem quem escreveu tem noção. Mas se o blog me permitir, eu gostaria de fazer um artigo desmentindo este texto absurdo, demonstrando as mentiras que foram ditas e comprovando o que eu digo com a disponibilização de todas as minhas fontes de pesquisa. Infelizmente, este espaço de comentários é muito pequeno para isso, motivo pelo qual peço ao moderador que possa lhe enviar por e-mail.
    Certa de que este blog se compromete com a verdade dos fatos, agradeço o espaço e aguardo resposta.

    Antes disso, gostaria de acalmá-los e lembrá-los de que a própria Bíblia diz que céus e terra passarão, mas a palavra de Deus jamais passará! Nem que haja alguma lei que nos proíba de difundir a palavra de Deus, Ele jamais permitirá que isto ocorra, ela jamais será esquecida e um dia todos os joelhos se dobrarão para confessarem que Jesus é o Senhor!!!

    Então preocupem-se com as coisas de Deus, não fiquem ansiosos pelas coisas do mundo, pela política, pela sociedade, porque o mundo já está corrompido, mas vamos nos preocupar em buscar a Deus e entregar tudo nas Suas mãos, porque Ele é maior do que isso aqui!

    Um grande abraço a todos!!!

    Débora Liza

    ResponderExcluir
  8. muito bom o cometario desse blog, que Deus te abençoe mais e mais meu irmão fica na paz.

    ResponderExcluir
  9. Bom dia. Tenho recebido vários desses alertas a respeito das leis que tramitam em Brasília e acho muito importante o povo evangélico saber disso. Gostaria também de saber o nome dos autores dessas leis, se são candidatos, para que possamos evitar de votar neles. Agradeço a atençao.

    ResponderExcluir
  10. AAT Débora Liza e demais irmãos: sabemos que o mundo jaz do maligno mas, nem por isso devemos nos entregar a eles pois, não podemos deixar que as pessoas usadas pelo mal e grandes iníquos tomem o poder para governar o nosso povo. Por mais que alguns ainda não se decidiram com Deus não podemos cruzar os braços e esperar a lança do Demônio atravessar o nosso peito! Então um recado a todos os nossos irmãos: Vejam a ficha do seu candidato que por mais que não lhe pareça que seria capaz de governar os candidatos evangélicos pelo menos os que estão hoje candidatos merecem uma atenção por nossa parte lembrando que não estou querendo eleger ninguém mas temos que agir antes que seja tarde todo o PAÍS precisa orar muito porém, precisa muito mais de atenção na hora de consultar a vida do seu candidato.

    Graças a Deus por nos dar o livre arbítrio e graças mais ainda por nos dar discernimento e sabedoria na sua palavra para seguirmos os princípios que ELE nos concedeu pela sua misericórdia!!!!

    ResponderExcluir
  11. eu ñ agredito q essas noticias va em frente si isso for em frente com vai ser o nosso país, mais so q o nosso deus e fiél nos q temos fé estamos ha frente disso tudo pq isto q comentam ñ vai dar em nada,somos livris pra decidirmos os nossos destinos....

    ResponderExcluir
  12. é tempo de despertar de criar um movimento nacional para que estas leis nao sejam aprovadas. alugar onibus e de todas as igrejas sem se importar com denominaçoes irem ate brasilia e protestar. é tempo de vazer algo. que os lideres de todas as igrejas saiam da oraçao e vao pra açao. é hora de agir. todos tem direito a liberdade religiosa

    ResponderExcluir
  13. Cristãos unidos contra a Resolução da Difamação da Religião
    Portas Abertas

    Campanha Free to BelieveBRASIL - Dia 1° de outubro, o underground, ministério de jovens da Missão Portas Abertas, iniciou a campanha Free to Believe para arrecadar assinaturas em todo o Brasil a fim de convocar os jovens e toda a Igreja no país para se posicionarem contra a Resolução da Difamação da Religião.

    Até o momento do envio desta notícia, chegamos a 11.100 petições eletrônicas. Isso sem contar com as que foram impressas pela página do site e estão circulando nas igrejas!

    Isso demonstra que podemos contar com os cristãos brasileiros. Ou melhor, que os cristãos perseguidos podem contar com vocês.

    Jovens estão se mobilizando por meio das mídias sociais como o Twitter, Facebook e Orkut. As cantoras Nívea Soares, Fernanda Brum, Ana Paula Valadão, Christie Tristão, os pastores Gerson Ortega e Antonio Cirilo, entre outros, também estão participando da campanha e divulgando aos seus seguidores.

    Somos muito gratos por isso!

    Organizações como a Portas Abertas Internacional estão muito próximas de derrotar a resolução este ano. Mundialmente, já recolhemos quase 70 mil assinaturas. Uma ação combinada neste momento pode fazer toda a diferença!

    Por isso, nos comprometemos a orar, divulgar a campanha e dar suporte prático àqueles que não são livres para escolher e praticar sua religião até que possam desfrutar da mesma proteção legal dos cristãos no mundo livre. Essa proteção deveria incluir o direito de:

    • ouvir o evangelho;

    • fazer uma escolha pessoal sobre sua crença religiosa;

    • mudar a opção religiosa em seu documento de identidade;

    • possuir uma Bíblia;

    • compartilhar sua fé;

    • reunir-se com outros para cultuar.

    O escritório da Portas Abertas nos Estados Unidos levará o abaixo-assinado para a ONU, por isso, é importante que todas as assinaturas cheguem aos nossos cuidados até o dia 22 de novembro, pois enviaremos somente os que recebermos até esta data.

    Contamos com a sua ajuda na divulgação da campanha para o maior número de pessoas possível. Assine e incentive seus amigos, familiares e irmãos a participar também. Você pode fazer diferença na vida dos cristãos perseguidos.

    Diga SIM à liberdade religiosa e NÃO para a Resolução da Difamação da Religião.
    Acesse o site aqui!

    ResponderExcluir
  14. EM DEFESA DOS CRISTÃOS PERSEGUIDOS:

    http://www.portasabertas.org.br/freetobelieve/faq.asp

    ResponderExcluir